preparar café

Conheça os 15 erros que você comete ao preparar café

Ao abrir os olhos pela manhã, uma das primeiras coisas que faço – depois de olhar o celular – é correr para a cozinha e ferver a água para preparar um café e, só depois de bebê-lo, acordar de verdade. 

Um cafezinho depois do almoço também cai muito bem, ou então no meio do expediente, para espantar a preguiça e seguir produzindo.

Com você é assim também? Porque milhões de pessoas seguem essa rotina.

 O café faz parte da rotina da maior parte dos brasileiros e, de acordo com a revista Forbes, além de ser o maior consumidor de café do mundo, o café é a bebida não alcoólica mais consumida no Brasil!

AVISO SOBRE COMISSÕES AFILIADAS:

De forma a sermos 100% transparentes com o nosso público, informamos que sempre você clicar em um link referente a um produto e decidir comprá-lo, poderemos ganhar uma pequena comissão  de afiliado. Não terá qualquer custo para você, mas é com esta ajuda que suportamos todos os custos inerentes ao funcionamento do nosso site (criação de conteúdo, hospedagem, etc…)

Por outro lado, ao preparar o café, as pessoas cometem alguns erros e acabam alterando e prejudicando o aroma, o sabor, a nota e até mesmo a consistência da bebida. E como beber café é uma experiência e não apenas uma forma de se manter acordado, hoje você vai conhecer os 15 erros mais comuns que você comete ao preparar café! 

Antes disso, não deixe de assinar nossa newsletter e receber em primeira mão todos os artigos para acompanhar os melhores segredos do café! Assinou? Então vamos lá!

1. Como preparar café : você está medindo errado

Sim, é difícil pensar nisso as 6 horas da manhã, ou quando você está atrasado. Nessas horas não importa muito a qualidade, você apenas precisa de um café forte para acordar, certo?

Eu sei, às vezes, na pressa de preparar o café ou até mesmo pela forma como aprendemos a fazer a bebida, não nos atentamos tanto às medidas. 

Mas, se você quiser um café daqueles que abrir os olhos, esquentar o coração e fazer o seu corpo todo dizer “que café ES-PE-TA-CU-LAR”, preste atenção na medida!

Uma opção que não requer um investimento muito alto é optar por uma balança de cozinha para checar a proporção correta entre o café e a água. Ok, você usa a colher, mas ela é realmente a melhor opção? Pense nisso:

  • A colher de café terá exatamente sempre a mesma medida?
  • O que significa uma colher de café?

Você pode até medir no olho e ter um resultado bom de café, mas opte por medir a proporção com uma balança e surpreenda-se com o resultado! Para fazer duas xícaras de café, tente a seguinte proporção:

340,2 gramas de água para 21,3 gramas de café.

2. O erro mais comum: você compra – quase – qualquer café

Sim, existem cafés que são caríssimos nas prateleiras do supermercado, os chamados “café gourmet” e, algumas vezes, esses cafés só mudam de nome mesmo, mas o sabor continua o mesmo da linha padrão da mesma marca. Pode ser apenas uma estratégia para você gastar mais. 

Por outro lado, um café com boa qualidade é, sim, um pouco mais caro. Embora um café barato pode ser muito atraente para a sua carteira, o ideal é checar a embalagem do produto para ver suas características e sua qualidade. 

Além disso, estar atento à embalagem pode ajudá-lo a identificar aqueles cafés mais caros e ruins e escolher um café com um custo x benefício muito mais justo.

Confira aqui outras dicas para ler a embalagem de café como um especialista. 

3. E o café que você compra é velho.

Não há como contestar, é muito prático – e rápido – ir ao mercado, escolher um dos pacotes de cafés da prateleira e levar para a casa.

Entretanto, há um grande erro nisso: você vai preparar um café com grãos velhos e a sua bebida perderá aroma, sabor e outros compostos responsáveis por tornar a seu café uma bebida extraordinária. 

Antes de comprar o café, veja a data de validade e, principalmente, a data de torrefação.  Se o café tiver uma data de validade com mais de três meses, descarte essa opção. 

Sobre a data de torrefação, o ideal é comprar um café com a data mais próxima. A partir da terceira semana ele passa a perder suas características também. 

Agora, precisamos ser sinceros: você não precisa comprar café ruim só porque é prático. Considere uma assinatura de café. 

prensa francesa

4. Você “passa café”? Veja se está fazendo isso certo

Quando o assunto é café, você precisa tomar um pouco mais de cuidado com tudo aquilo que for mais conveniente. As cafeteiras de gotas, apesar de serem as mais comuns, podem não oferecer o café que você merece. 

Atualmente, no mercado, existem uma série de outras opções, como a famosa prensa francesa ou então a cafeteira chemex, que é em um recipiente de vidro e deixa o sabor do café maravilhoso! Parece até mágica, é sério!

5. Muito quente, muito fria: a temperatura da água

Sim, a temperatura da água faz toda a diferença na hora de preparar o café. De fato, a água muito fria você já conhece, mas, o que muita gente não sabe, é que a água muito quente também interfere no sabor!

Assim, a temperatura ideal da água para preparar café é entre 90,6° e 96,1°. Dessa forma, o café poderá liberar de forma adequada os compostos responsáveis por manter suas características mais genuínas. 

moer café

6. Você está moendo o seu café errado

Se você compra café pré-moído das prateleiras de supermercados, certamente o seu café não está preparado para liberar esses compostos. 

Mas, mesmo que você compre os grãos, é possível moer o seu café em casa e, assim, fazer café da maneira mais saborosa possível!

Ao moer o seu café, procure deixá-los uniformes para que, assim, a água possa filtrar por eles e criar um sabor inigualável. Invista em um moedor de café e sinta a diferença!

7. Onde e como você guarda o seu café

Ah, isso faz toda a diferença, sério! Antes de ler esse tópico, pare e pense: onde e como você guarda o seu café?

 Vou dar duas opções:

  • No próprio saco de café (definitivamente, não faça isso!)
  • Em um pote assim como o arroz, feijão, açúcar e outros grãos (melhor do que o saco, mas ainda não é o ideal). 

Acertei? A embalagem do café, sem dúvidas, não é a melhor opção e vai influenciar o resultado final na hora de fazer o café. Então, se você utiliza a própria embalagem, corre lá na cozinha e procure um outro lugar para armazená-lo. 

Os potes são um meio intermediário de guardar café, mas o ideal mesmo é guardar em latas próprias para café, que são feitas em aço inoxidável e protegem os grãos da umidade, temperatura extrema, deixa os grãos mais frescos e longe da luz (sim, ela faz diferença). 

8. A sua máquina de café pode estragar a sua bebida

O equipamento faz toda a diferença na hora de fazer café. Ás vezes, compramos uma cafeteira mais barata ou um equipamento bom, mas que não cuidamos da manutenção e, então, você precisará trocar de máquina para preparar café com qualidade. 

Uma dica importante é notar se o equipamento mantém o padrão de qualidade das bebidas e, ao adquirir uma máquina, pensar em sua qualidade, pois ela irá refletir na sua xícara. Então, procure uma cafeteira de primeira linha e que esteja à altura do café que você merece!

9. Cafeteira: para que limpar?

Acredite ou não, tem muita gente que compra uma máquina de café e esquece que, assim como todos os outros equipamentos, ela também precisa de uma boa limpeza.

 A máquina, assim como um carro, a geladeira e até mesmo o seu cachorro, precisam de uma lavagem de vez em quando. Faça isso com a sua cafeteira!

Cada máquina possui suas características, mas é preciso estar atento em pontos específicos na hora de fazer a limpeza. 

Pensando nisso, preparamos um guia completo para limpar a sua máquina de café e evitar que ela prejudique o sabor da sua bebida! Confira aqui. 

xícara de café

10. A xícara – sim, ela importa!

É claro que a xícara tem muito a ver com o gosto pessoal de cada um, mas a verdade é que ela faz toda a diferença na hora de apreciar a sua bebida. 

Por isso, veja essas dicas:

  • Descarte qualquer xícara de plástico, pois, além de alterar muito o sabor, ela libera bisfenol a, um composto que oferece riscos à sua saúde!
  • Opte por xícaras de vidro ou cerâmica específicas para bebidas quentes. 
  • Caso você esteja viajando ou se deslocando, escolha garrafas ou canecas de viagem de aço inoxidável, que mantêm a temperatura e o sabor da bebida. 

11. Como preparar café - Os ingredientes do seu café podem ser um problema

Cremes, adoçantes, chantilly, chocolates ou qualquer outro ingrediente que você inserir no seu café e tiver uma qualidade muito baixa podem, com certeza, estragar o seu café, ainda que ele tenha sido preparado com o melhor grão do planeta. 

Os ingredientes certos complementam o sabor, não o modificam totalmente, apagam ou silenciam o gosto e outras características. Pense nisso!

12. A quantidade de café

Também é prático e conveniente fazer muito café, mas tome cuidado com isso, pois, ao preparar café em grandes quantidades, você pode se perder na proporção e no acabamento da bebida. 

É claro que, em determinadas situações, não fazer grandes quantidades de café está fora de cogitação, mas quanto menor a quantidade de café, mais assertivo você será. 

13. Você usa água da torneira?

A água, um dos principais ingredientes na hora de fazer café, também merece um cuidado especial. Por favor, não utilize água da torneira para preparar café. 

Além de ter uma série de compostos que não fazem bem ao seu corpo, elas alteram todo o resultado final e podem até colocar em risco a mágica de apreciar um bom café. 

filtro de café

14. O filtro de café

Quando o assunto é fazer café, o mais comum é utilizar filtros de papel. 

Nesse caso, há um grande erro: esquecer de tirar o filtro após sua utilização. Depois de preparar o seu café, descarte o filtro de papel e lave a cesta do filtro, ok?

Caso sua máquina tenha um filtro reutilizável, seja bastante rigoroso com a limpeza e substitua-o sempre que notar que a qualidade do café mudou. 

Fique atento, pois, nesse caso, é o seu paladar quem vai dizer a hora de fazer a troca do filtro de café. 

15. Você não sabe muito bem o que gosta no café

Esse não é um tão grave, mas ele é importante para você. Você precisa, primeiro, entender o que você gosta no café.

Entender como você prefere a sua bebida requer experiência e tempo, mas vá analisando, pouco a pouco, quais são as características de sua preferência. 

Explore outros sabores, tente outros preparos, notas e leia outros artigos do blog. Aproveite essa experiência maravilhosa que é apreciar o café! 

Independente da sua escolha, explorar diferentes sabores de café fará com que você se conheça melhor. 

Continue a preparar café da melhor forma possível!

Não desanime!

A ideia deste artigo não foi mostrar os erros para que você desista de preparar café, muito pelo contrário. O nosso objetivo é que você possa, a cada dia, preparar diferentes versões e apreciar um café cada vez melhor!

Lembre-se: todos nós erramos e isso também faz parte da busca pelo melhor café do mundo! 

Artigos Recomendados

Guia completo – Como escolher o seu filtro de café!

Guia completo – Como escolher o seu filtro de café! Também conhecido como coador, o filtro é um dos aspectos mais importantes na hora de preparar café. Isso porque ele é o responsável por filtrar …

Conheça os 15 erros que você comete ao preparar café

Conheça os 15 erros que você comete ao preparar café Ao abrir os olhos pela manhã, uma das primeiras coisas que faço – depois de olhar o celular – é correr para a cozinha e …

Scroll to Top